Osteomalácia: o raquitismo na vida adulta

A osteomalácia é a forma adulta do raquitismo infantil; uma doença que causa deformidades ósseas e fraturas. Caracterizada por ossos frágeis e quebradiços, ela pode ser confundida com a osteoporose. Geralmente é causada por um defeito na construção do osso, mas também pode estar ligada a alimentação.

Entre os sintomas mais comuns estão: dor nos ossos, principalmente nos quadris; fraqueza muscular e fraturas ósseas sem causa aparente. Se o problema estiver relacionado à falta de cálcio no organismo, o indivíduo também pode apresentar: sensação de dormência ao redor dos lábios, nos braços ou nas pernas e espasmos musculares nas mãos ou nos pés.

As causas da osteomalácia podem ser diversas, incluindo: carência de cálcio ou fósforo no organismo; carência de vitamina D; dificuldade ou incapacidade de absorver ou utilizar a vitamina D; deficiência da enzima fosfatase alcalina; insuficiência renal; doença hepática; efeito colateral de medicamentos utilizados contra convulsões; ou, até mesmo, o câncer.

O diagnóstico da osteomalácia deve ser realizado por exame de imagem, densidade mineral e avaliação da concentração de cálcio, fósforo e vitamina D no organismo.

É bom lembrar que essa doença tem cura e o tratamento deve ser indicado por um especialista.


Rua Herculano Carlos Franco de Souza, 438 - Água Verde, Curitiba - PR, 80240-290

  • Instagram - Dr. Elias Marcelo
  • Facebook - White Circle

Tel: (41) 3044-2940